Home » Colunas » O intenso amor de Deus

O intenso amor de Deus

Porque Deus amou o mundo de tal maneira…

O amor de Deus por nossas vidas é tão intenso que o próprio Senhor Jesus Cristo no Evangelho de João não encontrou palavras para descrevê-lo ao dizer: “porque Deus amou o mundo de tal maneira…“ (João 3.16) Não existem palavras que sejam capazes de descrever o intenso amor de Deus por nossas almas.

Este amor não está fundamentado em nós, mas no próprio Deus. O apóstolo Paulo escrevendo aos romanos diz: “Mas Deus dá prova do seu amor para conosco, em que, quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós.” (Romanos 5.8) Ele não passou a nos amar quando nos rendemos ao senhorio do seu filho, Ele já nos amava desde à época em quer estávamos escravizados pelo pecado. Pois, Deus não nos ama pelos nossos excelentes predicados, mas sim porque é de sua eterna bondade amar o homem.

Cristo não morreu por pessoas boas, morreu por me e por você que não passávamos de inimigos de Deus – sendo esta condição evidenciada pelos nossos atos fora do padrão estabelecido por Deus. Oh! Quão grande é o seu amor! Nós precisamos de alguma justificativa para amamos a outrem, contudo, Deus nos ama sem justificativas para amar.
O amor que Deus nutre por nós não consiste apenas em palavras, mas é provado com o Senhor Jesus na Cruz do Calvário como sacrifício por nossas almas. Esta foi a prova mais eloquente do amor de Deus. Você já sabe de tudo isso, mas se você não alegra-se ao ler sobre o amor de Deus, sobre a grande obra de Cristo no Calvário, você está precisando aceitar Jesus novamente. Se você se diz cristão, mas não alegra-se ao ouvir ou ler sobre estas coisas, estás professando uma fé falsa.

Observa Jonh Stott: “Quanto mais custa o presente ao doador, e quanto menos o donatário o merece tanto maior demonstra ser esse mesmo amor.” Não merecíamos nada, exceto punição por nossos pecados, entretanto, Ele nos deu tudo. Portanto, devemos ser gratos a Deus pelo seu amor, com a entrega completa de nossas vidas a Cristo e amando a Deus sobre todas as coisas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado .Campos obrigatórios são marcados *

*